quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

O estouro aproxima-se, inexorável (7)

Kenneth Rogoff, co-autor com Carmen Reinhart, do excelente "This Time Is Different: Eight Centuries of Financial Folly", citado pela Bloomberg:
«Grécia, Portugal, Irlanda e possivelmente também a Espanha estão insolventes e precisam de reestruturar a sua dívida”»
Esta opinião funda-se na tese expendida no livro citado segundo o qual a História nos ensina que países com tão altas  taxas de endividamento como as destes países não conseguem por si só ultrapassar essa situação sem entrar em default.

Entretanto, a probabilidade de bancarrota para Portugal atinge hoje (novo record) os 66,3% de probabilidade no horizonte a cinco anos. Era de 63,78% na segunda-feira passada.

1 comentário:

Karocha disse...

http://infamias-karocha.blogspot.com/