sexta-feira, 25 de maio de 2012

Nuvens escuríssimas na Ibéria (2)

No passado dia 11 de Maio, o ministro da Economia do governo espanhol tinha estimado em "menos de 15 mil milhões de euros" o montante total de ajudas que o Estado espanhol iria conceder à globalidade da banca  espanhola para lidar com o problema do crédito malparado (essencialmente advindo do estouro da bolha imobiliária). 

Duas semanas passaram. Hoje, há pouco, foi noticiado que só o Bankia, está a solicitar uma nova ajuda suplementar de 19 mil milhões de euros!! Nova ajuda que surge apenas 15 dias depois de o mesmo ministro ter afirmado que não haveria nenhuma ajuda adicional a este banco para além da dos 4,5 mil milhões de euros já anteriormente concedidos.

4 comentários:

Miguel Loureiro disse...

Não será o sistema?...
S&P baixa rating de 5 bancos espanhóis, 3 para «lixo»:
http://www.agenciafinanceira.iol.pt/financas/rating-espanha-bancos-bankia-santander-bbva/1350952-1729.html

Eduardo F. disse...

Caro Miguel Loureiro,

Sim, estou de acordo consigo se, por "sistema", entendermos o que brevemente se aflora no meu post imediatamente anterior.

André Miguel disse...

Junte-se-lhe uma Catalunha que, ao que consta, já não tem dinheiro para salários... O horror! O horror!

Eduardo F. disse...

Sim, também me parece ser caso para lembrar o coronel Kurtz.