domingo, 30 de setembro de 2012

Já não percebo nada

Então o crescimento não estava já ali, ao virar da esquina? Não bastava a firme enunciação da vontade? De baixar uns cêntimos em cada litro de gasolina? De agravar os impostos sobre os ricos e sobre as empresas? De possibilitar a reforma aos 61 anos? De anunciar a contratação de 60 mil novos professores? De combater o desemprego agravando os custos com os despedimentos? De que se queixarão, afinal?

Foto AP, via Telegraph
Dei uma olhadela pelos jornais online portugueses. A ideia com que se fica é que esta manifestação, ao contrário das de ontem em Lisboa e Madrid, nunca aconteceu.

2 comentários:

Miguel Loureiro disse...

Esta foi de solidariedade connosco e mais os que comem da nossa malga.
Os jornais portugueses não trazem tudo e não só sobre manifestações... O Eduardo bem sabe que se quiser saber a avaliação da troika, ou os "sucessos" do governo tem que ir às bancas estrangeiras.

RioD'oiro disse...

http://ab-logando.blogspot.pt/2012/09/ja-nao-percebo-nada.html